Nos Trabalhos Agrupados No Segundo Eixo

Nessa perspectiva, analisam as possibilidades da autoavaliação institucional para a ampliação dos mecanismos democráticos de gestão de escola da Educação Básica. O estudo de caso desenvolvido por Brandalise (2007) – implementado com base em grupo focal realizado com professores, funcionários e pais de uma escola localizada em município do Paraná -, apresenta o processo de construção de uma proposta de autoavaliação para Escola Básica, que procurou sistematizar e disponibilizar aos profissionais envolvidos, conceitos, procedimentos e instrumentos de desenvolvimento institucional. A implementação de autoavaliação institucional em escola pública de pequeno porte e de zona rural, da rede estadual de São Paulo é examinada por Moraes (2008) que chama a atenção para a importância desse recurso face à necessidade de se ampliar os mecanismos de gestão democrática e de se estabelecer uma cultura avaliativa que se distancie do mérito ou da punição, subsidiando práticas de transformação nas escolas. Moraes e Silva (2007) discutem resultados de pesquisa qualitativa realizada com base em análise de documentos oficiais orientadores do Progestão-SP e do Prêmio Nacional de Referência em Gestão Escolar, bem como em dados obtidos em estudo de caso.

A contribuição é pessoal e subjetiva, mas unicamente adquire valor quando instrumentalizada.10 10 Das quatro esferas do progresso moral apresentadas por Honneth, apenas a esfera do amor, neste estudo, não foi explorada na sua relação com o trabalho. Os paradoxos a que os teletrabalhadores estão submetidos parecem ser os mesmos, apesar de apresentarem dimensões próprias a cada país. Ora, em todos os três países, vê-se a falta de opções, a subordinação e a impotência associarem-se a um discurso de emancipação pelo trabalho, que logra mobilizar o sujeito que trabalha. Lembramos, no entanto, que o amor “puro” sofre os efeitos de um trabalho que transborda para a vida privada. Poder inferir sobre o trabalho de uma maneira generalizante, a partir da experiência de três países, já significa, por si só, afirmar que o trabalho informacional está perdendo traços culturais, embora se diferencie por determinações socioeconômicas. A impossibilidade de conciliar autonomia e sujeição, de transpor o paradoxo, torna o capitalismo incapaz de fazer do trabalho uma fonte satisfatória de construção da identidade, de elo social, ou de elemento capaz de fortalecer ações coletivas. No que se refere ao trabalho em call centers, em Portugal sobressai a dimensão compulsória do trabalho; no Brasil e em Cabo Verde, é a provisoriedade e a precariedade que caracterizam a vivência nesse trabalho.

Há desesperança e conformismo: dispor (e manter) de emprego assalariado é o objetivo primordial. Hoje tem tantas pessoas desempregadas, mais uma empresa que fechou, mais não sei quê. Mas penso, no fim até gosto, até gosto daquilo (operadora, 33 anos, 12 de ocupação, Portugal). Porque às vezes é horrível, eu chego a casa em um stress, sabe? E eu dou graças a Deus, graças a Deus por ter um emprego, um trabalho, que até gosto. É assim, nós estamos numa altura em que não vale a pena pensar (pausa), pensar em outro tipo de profissão; assim, nós não temos muitas perspectivas. O tempo máximo de emprego encontrado numa mesma empresa foi de quatro anos (um entrevistado trabalha no telemarketing há 11 anos, mas apenas há um ano na empresa em que se encontrava). A rotatividade é muito alta, e a pressão por produtividade também. O trabalho em call centers é muito procurado pela flexibilidade de horários e pela possibilidade de estudar simultaneamente, além de não haver exigências de qualificação e (ou) experiência prévia. No Brasil, no seio das empresas estudadas, há uma maioria jovem e estudante.

No que tange aos homens, há desde o simples operário marroquino até o diretor, passando pelo zelador, a “operária especializada” em perfuração, originária de e residente em Bondeval, habituada às obras sociais da firma e cujo marido se encontra no front, o ajustador de montagem socialista, recruta especialmente alocado nas fábricas e originário de Lille7 7 . A herança recebida por Mattern, em 1917, faz ainda desses homens e mulheres uma massa em processo de sindicalização acelerada, cujo movimento é dirigido pelos socialistas que representam posições políticas minoritárias. Reivindicações salariais, críticas à organização da fábrica, ameaças de greve e greves animam o que não pode ser considerado apenas como efetivos que deveriam ser distribuídos e classificados. O jornal pacifista La Vague que esse trabalhador leva no bolso está incluído na matéria, até mesmo o bolso está incluído. Com a organização combinando e regulando os fluxos, os pares homens/ matérias são organizados em uma série de unidades integradas: postos de trabalho, concatenação de postos, oficinas e setores, fábricas, grupos de fábricas, até atingir os limites naturais de um campo organizado por um sistema taylorista: a empresa, ou, em outras palavras, a Marca (para a clientela), em outras palavras a “Maison”8 8 . Trata-se de interlocutores em todos os setores da ação organizacional.

Esse bloco de questões teve por objetivo verificar se as empresas estão desenvolvendo ações que visem à aceleração do processo operacional como um todo e está subdividido em cinco sub-blocos, a saber: lotes de produção, processos de produção, envolvimento dos funcionários, gestão da qualidade e gestão da manutenção preventiva das entidades industriais. A Tabela 4 apresenta o resumo dos resultados obtidos para essas questões. No sub-bloco ‘lotes de produção’ uma parcela importante de respondentes (em torno de 50%) assinalou que a produção em suas empresas é puxada pela demanda. Os respondentes, porém, afirmaram discordar do fato de que a produção ocorre em pequenos lotes e concordar com o fato de os produtos possuírem lotes fixos de produção. Essas respostas denotam não haver uma opção consciente pela gestão baseada no tempo, pois, se esse fosse o caso, os respondentes afirmariam que a produção é puxada pela demanda, realizada em pequenos lotes e discordariam, fortemente, da afirmação de haver lotes econômicos fixos para a produção.

For those who have virtually any inquiries concerning where by and the way to employ tempo ea temperatura, it is possible to e-mail us in the web-site.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Powered by WordPress | Theme Designed by: axis Bank bca Bank bni Bank bri Bank btn Bank cimbniaga Bank citibank Bank danamon Bank Indonesia Bank mandiri Bank ocbc bank Panin Bank syaria hmandiri dana google gopay indihome kaskus kominfo linkaja.id maybank ovo telkom telkomsel WA